segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Falta de educação - problema grave

Precisei ficar "de molho" por conta de uma gripe - não se preocupem, não era a suína - , então sumi novamente...

Contudo, hoje me deparei com dois e-mail tão malcriados, para não utilizar outra expressão. Preciso desabafar e compartilhar com vocês, pois creio que todos podem ter passado por isso um dia... Como podem professores/as não saberem fazer uma crítica ou levantar um questionamento de forma educada, gentil, indicando um erro ao invés de apontá-lo com "5 dedos na cara" de alguém? E a pergunta que preciso que seja respondida: professores não erram?

Sim, colegas, me senti chateada por tal postura. Deixem-me explicar melhor... Sabe aquele texto que publiquei há alguns posts sobre pedras no caminho, o qual atribuí a autoria para Fernando Pessoa? É, foi ele mesmo que, ao contrário de levar algumas "duas" pessoas à reflexão sobre sua temática, a qual também foi questionada se é válida, me trouxe um certo mal estar. "Este texto não é de Fernando Pessoa!" Ok, mas quase nada se acha sobre esta autoria, aliás, o que mais se vê é que realmente é dele... Claro, isso só prova o quanto a Internet não é um meio confiável de pesquisa, mas acredito que todo mundo tem o direito de ter dúvida ou errar certo?

Não me incomodei pela crítica e apontamento de um possível erro, mas sim pela maneira com o qual foi exposto. Como podem estes tipos de professores, que lidam com o erro ou engano de forma tão grosseira, chegando ao ponto de chamar um colega profissional de "incompetente, irresponsável e 'insério' ", exigerem respeito ou falarem que seus alunos são maleducados, se agem de tal forma?

Ah colegas, por favor, me desculpem o desabafo, mas fiquei realmente muito chateada... O texto, algumas fontes - inclusive estas duas pessoas - citam que é de Augusto Cury e a última frase de um blogueiro chamado Nemo Nox (http://provedorpublico.blogspot.com/2007/05/fernando-pessoa.html e http://www.pensador.info/p/posso_ter_defeitos_viver_ansioso/1/).

Outros, como o próprio site da TV Globo (que ainda que algumas pessoas insistam em falar mal, continua sendo referência e uma empresa idônea), do programa Mais você pertencente à Ana Maria Braga, também citam Fernando Pessoa como autor (http://maisvoce.globo.com/MaisVoce/0,,MUL787101-10354,00.html).

Ainda assim, não acredito que tenha-se chegado à real autoria... Se alguém puder me ajudar, eu agradeço muito! E obrigada por lerem até o final este post um tanto triste, mas há coisas que precisam ser colocadas para fora...

2 comentários:

  1. Prezada Priscila, olá!
    Sou profi aqui do sul (Rio Grande do Sul) e só tenho a te dizer o seguinte: não dá bola para este tipo de pessoas. Não são professores de verdade, pois se não sabem lidar com o "erro" é porque estão na profissão errada... Só tenho muuuuiiiita pena dos alunos desse tipo de gente que se intitula "professor"...e que, pasmem!, tem diploma universitário!!!!!
    Abraço, Jaque

    ResponderExcluir
  2. Olá, Priscila!

    Infelizmente tem muitos professores que só sabem falar mal dos alunos e não enxergam os seus próprios erros. Esses ignorantes ainda precisam aprender muito. São o caos da profissão!

    Não liga não, pois no seu desabafo, quem cresce é você!

    Beijos, :-)

    ResponderExcluir